Política de Qualidade

Consiste na contínua satisfação dos clientes/utentes por meio da melhoria contínua. A Focalização no cliente/utente é um dos fundamentos da Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Novo, no respeito dos valores definidos, contribuindo com a sua missão e visão para:

- Promover a qualidade de vida e garantir a segurança dos clientes/utentes;
- Proporcionar serviços permanentes e adequados à problemática biopsicossocial das pessoas idosas;
- Privilegiar a interação com a família e/ou significativos e com a comunidade;
- Promover estratégias de reforço de autoestima, de valorização e de autonomia pessoal e social;
- Fomentar a inovação, a criatividade e a gestão participada de forma a melhorar continuamente a eficácia dos processos e do sistema de gestão de qualidade.

Valores

Princípios da Doutrina Cristã; Justiça Social; Equidade Social; Sustentabilidade; Focalização no Cliente/Utente; Humanismo; Dignidade; Valores Morais; Trabalho em Parceria; Ética; Integridade Social; Inovação.

Património

Igreja da Misericórdia
Séc. XVI-XVIII

Fundada no inicio do século XVI, pelo casal Ruy Mendes Gago e a sua esposa Beatriz Fernandes.

A Igreja da Misericórdia tem um pórtico de mármore em estilo Manuelino e no seu interior, escultura em alabastro, do século XVI, representando Nossa Senhora da Piedade.

A atual capela-mor foi acrescentada no século XVIII, tendo um conjunto de decorações em talha dourada dessa época.

A Igreja tem anexa, do lado Poente, a Sala do Despacho com pintura seiscentistas e talha dourada do século XVIII e o arquivo Histórico da Santa Casa da Misericórdia.

Visão

Promover respostas sociais de forma sustentada, integrando uma rede de parceiros sociais. Ser um modelo de referência enquanto instituição, aproximando pessoas através da consolidação de afectos, do desenvolvimento humano e de valorização do indivíduo e da qualidade dos serviços prestados.

Breve História

A Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Novo foi fundada em 1499. Situada no local onde hoje existe a sua sede social, na atual Rua Teófilo Braga (antiga Rua dos Carvoeiros), onde existia a confraria da Irmandade dos Fieis de Deus.

A Misericórdia de Montemor-o-Novo foi criada pelo fidalgo Ruy Mendes Gago, juiz da Confraria dos Fiéis de Deus, mais tarde Confraria de Nossa Senhora da Misericórdia.

Sendo a Misericórdia administrada por um Provedor, doze Mordomos e um Escrivão, o fidalgo Ruy Mendes Gago foi o primeiro Provedor da Misericórdia de Montemor-o-Novo, assim, como o primeiro Irmão. Foi também este fidalgo o primeiro benfeitor da nossa Misericórdia, juntamente com a sua esposa Beatriz Fernandes, mandando instituir, em 1513, uma Capela e deixando todos os seus bens à Instituição para a construção da Igreja da Misericórdia, a partir dessa Capela.

Depois do seu primeiro benfeitor, muitos foram os que se seguiram e passados 517 anos de existência a Misericórdia de Montemor-o-Novo caracteriza-se pelo espírito de solidariedade, de ajuda aos doentes e carenciados, tendo em conta a defesa dos valores Cristãos e o sentido de Humanidade.

Contactos

Preencha os campos do formulário.

Morada

Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Novo

Rua Irmã Sousa, n.º 1
Apartado -144
7054-909 Montemor-o-Novo

Telefone: 266 898410
FAX: 266 898 411
E-Mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Redes Sociais